quarta-feira, 27 de junho de 2012

Aproveitemos...

É uma infelicidade ser tão breve o intervalo que medeia entre o tempo em que se é jovem demais e o tempo em que se é velho demais.


Barão de Montesquieu

domingo, 17 de junho de 2012

No caminho


Na primeira noite eles se aproximam
e roubam uma flor
do nosso jardim.
E não dizemos nada.
Na segunda noite, já não se escondem;
pisam as flores,
matam nosso cão,
e não dizemos nada.
Até que um dia,
o mais frágil deles
entra sozinho em nossa casa,
rouba-nos a luz, e,
conhecendo nosso medo,
arranca-nos a voz da garganta.
E já não podemos dizer nada.

Trecho de poema atribuído a Bertolt Brecht e Vladimir Maiakóvski

Documentário "De ferro e de flor" sobre Edinaldo Figueira



Acesse o site do vídeo e veja outras informações a respeito desta produção: www.deferroedeflor.com
Veja também: www.tiagoaguiar.blogspot.com.br

sábado, 16 de junho de 2012

Milhares de mensagens no Twitter marca o 1º anversário da morte de #EdinaldoFilgueira

Internautas de todo o Brasil e até do exterior participaram ontem de tuitaço em homenagem ao jornalista-popular e blogueiro Edinaldo Figueira, morto a um ano atrás por denunciar irregularidades na gestão tucana do município de Serra do Mel-RN. Edinaldo foi executado na sede de seu jornal 'O Serrano' em 15 de junho de 2011, por três pistoleiros contratados, segundo o inquérito policial, pelo prefeito do município Josivan Bibiano de Azevedo - PSDB.
Autoridades, intelectuais e ativistas da liberdade de expressão enviaram milhares de mensagens que ecoaram pela Net pedindo justiça para o caso, respeito aos direitos humanos, liberdade de expressão e enfatizando o carater heróico e martírico do caso Edinaldo Filgueira.
Foram usados os Restags #EdinaldoFigueira, #LiberdadedeExpressão e #15dejunho no movimento na rede do passarinho.
Também por meio do twitter a deputada Fátima Bezerra anunciou o projeto de lei, de sua autoria, que institui o dia 15 de junho como dia Nacional do Blogueir(a).

Um ano sem Edinaldo Filgueira | Opinião | O POVO Online

Um ano sem Edinaldo Filgueira | Opinião | O POVO Online

Vejam esta postagem do amigo Perdigão, jornalista da capital alencarina.

sábado, 9 de junho de 2012

Prefeitos do RN ficam inelegíveis para eleições 2012


Pelo menos 06 prefeitos ou ex-prefeitos do Rio Grande do Norte estão momentaneamente impedidos de participarem da disputa nas eleições municipais de 2012 por terem suas prestações de contas reprovadas pelas câmaras de vereadores de seus muncípios. São eles: Carlos Eduardo, ex-prefeito de Natal; Fernando Cunha, prefeito de Macaíba; Maria Goreti, atual prefeita de Apodi; Eider Medeiros, prefeito de Alto do Rodrigues; Ivan Padilha, prefeito de Pendências. Somam-se a esses mais quase uma centenas de pré-candidatos que tiveram suas prestações de contas  reprovados pela justiça eleitoral, referente aos recursos das duas últimas campanhas eleitorais.

O único que já tem uma liminar suspendendo os efeitos dos Decretos Legislativos que reprovaram as suas contas é Ivan Padilha de Pendências. Os outros pré-candidatos estão mobilizando suas assessorias jurídicas a fim de conseguirem, na justiça, o direito de concorrerem. Em todos os casos, os agora “ficha suja” alegam motivação eleitoreira para a reprovação das contas, porém, em todos casos há apontamento de irregularidades nas apurações feitas pelo TCE ou câmara de vereadores. Surge uma esperança no ar! As instituições parecem começar a funcionar e os homens públicos passam a honrar o mandato que recebem para serem fiscais do povo.

Blogueiros se mobilizam por justiça para o caso Edinaldo Filgueira

Matéria publicada no Jornal Diário de Natal e DNOnline dia 8 de junho de 2012. Por Fernanda Zauli.
http://www.diariodenatal.com.br/2012/06/08/cidades3_0.php


Caso Edinaldo Filgueira: blogueiros pedem justiça
Diversas atividades homenagearão o blogueiro potiguar que teve a voz silenciada. Prefeito de Serra do Mel foi indiciado
Fernanda Zauli
fernandazauli.rn@dabr.com.br

No próximo dia 15 de junho, o assassinato do jornalista e blogueiro Edinaldo Filgueira, que também era presidente do diretório municipal do PT de Serra do Mel, completará um ano. O caso foi investigado pelas Polícias Civil e Federal e concluiu-se que o crime teve motivação política.

Uma comissão nacional pedirá que o TJRN julgue os oito acusados pelo crime. Foto: Arquivo Pessoal/Divulgação
 O prefeito de Serra do Mel, Josivan Bibiano de Azevedo (PSDB), foi indiciado como autor intelectual do crime e chegou a ser preso em dezembro do ano passado, à véspera do Natal, mas foi solto 10 dias depois. Em homenagem ao jornalista, os blogueiros progressistas pretendem instituir o dia 15 de junho como Dia Nacional do Blogueiro.

O projeto de lei deverá ser encaminhado nos próximos dias ao Congresso Nacional por uma comissão formada por representantes de vários estados do país. No III Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas, que aconteceu recentemente em Salvador, os participantes apresentaram propostas referentes ao caso. Dentre as sugestões aprovadas, está a formação da comissão que pretende entregar um documento à presidenta do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, desembargadora Judite Nunes, cobrando celeridade no julgamento do processo.

"Os três pistoleiros que executaram Edinaldo estão aguardando o julgamento presos, todos parentes do prefeito do município. Mas os demais (cinco envolvidos) estão respondendo em liberdade. O clima de impunidade é muito grande, pois o prefeito Josivan Bibiano ficou em cárcere por apenas 10 dias e hoje segue administrando o município, livre. E isso tem despertado em quase toda a população daquela cidade o sentimento de que ele é inocente, já que não está mais preso, ou de que ele faz o que quer, pois detém o poder", disse Tiago Aguiar, blogueiro e diretor do documentário De Ferro e de Flor, produzido em homenagem ao trabalho de Edinaldo Filgueira, destacando a questão dos direitos humanos e da liberdade de expressão.

"A sensação maior de impunidade está por o Rio Grande do Norte ter um judiciário extremamente duvidoso, com muitos casos decorrupção. Acreditamos que a justiça depende da mobilização de pessoas em todo o Brasil e também no mundo, que se identifiquem e se indignem, que tenham solidariedade. As provas são claras, existem gravações telefônicas que mostram como tudo aconteceu", completou o ativista, que produziu o documentário em parceria com a jornalista Adriana Amorim. 
Homenagens se darão por todo o país


A família de Edinaldo Filgueira está organizando uma missa e uma caminhada em Serra do Mel, no próximo dia 17, em memória do jornalista. Além disso, estão previstos diversos movimentos para que o caso não passe desapercebido.

Um documentário em vídeo tem circulado o país visando chamar atenção para o caso e para a liberdade de expressão. Foto: De Ferro e De Flor/Divulgação
 Os blogueiros progressistas estão programando um twittaço em todo o país para o dia 15 de junho e tentam agendar um debate na Assembleia Legislativa do RN para esse dia. "Edinaldo era um filho de agricultores analfabetos, que não possuíam sequer um nome de família, e que conseguiu estudar, ter formação de bacharel, criar um jornal, levar a internet para a sua cidade, criar uma lan house, prestar serviços de instalação de internet. Algumas pessoas têm solidariedade e até veem o Edinaldo como um mártir na luta pela democratização da comunicação e liberdade de expressão, disse Tiago Aguiar.

MemóriaEdinaldo Filgueira tinha 36 anos e era colaborador do jornal O Serrano, que circulava em Serra do Mel e localidades próximas, e era um dos responsáveis pelo blog do periódico. O blogueiro era umdos principais opositores à gestão do PSDB na cidade, situada numa região com forte incidência do crime organizado. Na véspera do crime, Ednaldo havia publicado no blog uma enquete perguntando à população se era possível acreditar na prestação de contas da prefeitura. No dia seguinte, o blogueiro recebeu ligações anônimas com ameaças e cobranças de retirada da enquete do site, o que ocorreu em seguida. Poucas horas depois, enquanto fechava o seu local de trabalho, três homens o abordaram e dispararam seis tiros. 

terça-feira, 5 de junho de 2012

Acidente em caldeira deixa 4 feridos em Serra do Mel

Um acidente ocorrido nessa manhã (05) deixou gravimente feridos quatro agricultores da Vila Piauí, município de Serra do Mel - RN. Os agricultores operavam uma caldeira utilizada no processo de cozimento da castanha de caju. Esse procedimento é parte do beneficiamento de castanha, principal atividade econômica do município. Dois agricultores foram indentificados, sendo um deles conhecido por 'Bosco', outro Raimundo e o outro com a alcunha de 'Natan'. O quarto ferido ainda não foi identificado. O proprietário da caldeira é beneficiador de castanha Omar da Vila Piauí.


Curiosos cercam a caminhonete cedida por popular para transporte de um dos feridos.

Os acidentados chegaram a unidade hospitalar da Vila Brasília, Serra do Mel com queimaduras de terceiro grau e deformações no rosto e restante do corpo provocadas pelas queimaduras. Após o atendimento preliminar foram sedados e os mais graves foram conduzidos em duas ambulâncias para o hospital Regional Tarcísio Maia em Mossoró a 40 km de Serra do Mel.  Um dos feridos foram transportados em seguida, também para Mossoró, em uma caminhonete cedida por um popular devido a insuficiência de ambulância no município.